sábado, 27 de março de 2010

74. Molina












Porto (N. Sra. do Ó)
serigrafia (37/150)
52x38
VENDIDA




1926-2002
Nascido em Espanha em 1926 cedo largou pelo mundo tendo vivido em vários locais da Europa e da América. No Brasil deu raizes à sua grande paixão – a Pintura. Aí estuda Belas-Artes e aí ganha elogios da crítica que o apontam como um pintor versátil. É o crescendo do pintor apaixonado entre o “figurativo arquitectónico” que devolve a verdade aos locais que pinta e o “abstracto marcante” pela força do cromático que impõe nas suas telas.
Trazido pelo destino, instala-se em Portugal na década de 60 onde permanece até à actualidade. Portugal torna-se o país que sempre procurou e que o realiza completamente como artista. A vertente de pintor figurativo torna-se mais marcante devido ao seu amor às terras portuguesas. Ninguém pintou mais Portugal do que ele, desde as pequenas aldeias até às grandes cidades, de norte a sul do país. Mantém viva a paixão pelo abstracto como forma de expressão máxima do seu interior de artista.
Em 2000 decide dar um novo fôlego à sua obra de pintor abstracto e quebrar com a imagem exclusiva do figurativo arquitectónico. Pouco conhecida do grande público, esta esteve reservada a coleccionadores. Assim que surge perante o público, a surpresa é tão grande como a aceitação. O mestre da arquitectura portuguesa levada à pintura revela-se naquilo que o fez brotar como grande pintor - a arte do cromático num desafio à própria imaginação. É difícil não ser seduzido por este jogo em que cada cor é como que explorada à exaustão nas suas mais diversas matizes.
Faleceu em Lisboa a 5 de Agosto de 2002 de forma inesperada sem ter tido a felicidade de estar presente na exposição que sempre ambicionou fazer. Viveu, no entanto, a profunda alegria dos três anos que lhe levou a prepará-la.
Algumas exposições realizadas em Portugal:
1980 - Casino do Estoril – Colectiva (Menção Honrosa)
1981 - Ibéria “Retalhos do nosso tempo
1983 - U.A.P.
1984 - Galeria S. Francisco – Colectiva
1985 - Galeria Escorial
Galeria S. Francisco – Colectiva
Galeria Yela – Colectiva
II Exposição de Artes Plásticas de Loures
Galeria Hotel Alfa, Lisboa
1986 - III Exposição de Artes Plásticas de Loures
Galeria Ditec “A nossa Lisboa” – Colectiva
Galeria de S. Bento – Colectiva (Homenagem a António Inverno)
Galeria Escorial
I Salão de Pintura de Lisboa – Colectiva
ARTLE – Colectiva Itinerante
1987 - Galeria de Lagos
Hotel Alfa, Lisboa
Galeria Multiface – Colectiva
Galeria Grade, Aveiro - Colectiva
1988 - Hotel Alfa – Lançamento do Livro de Afonso Brandão
“Cor e Luz”
Galeria Ditec – Pintura Abstracta
Vilamoura Marinotel – Algarve
Galeria de Lago
1989- Galeria Multiface – Colectiva
Hotel Meridien
1990 - Galeria “Restauração” - Homenagem ao pintor Luis Dourdil
Quadrante – Colectiva
1991 - Galeria de Paços de Ferreira
Galeria Trindade
1994 - Galeria Pátio das Artes, Hotel Meridien
Galeria Barata, Modos de Ver, Lisboa
1995- Museu Municipal, Casa do Adro, Loures
Galeria Arte Mar, Sesimbra
Galeria Exclusive – Associação de Apoio às Crianças Infectadas com SIDA e seus familiares
Inauguração de 5 painéis de azulejos para um jardim público, Lousa
Medalha Municipal de Mérito da Câmara Municipal de Loures
1996 - Caixa Geral de Depósitos – Sede
Capa da Revista nº2 “Congresso Português de Diabetes”
2000 - Private Gallery - Club House do Belas Clube de Campo – Colectiva
2001 - Atelier Edmundo Cruz, Comemorativa do 15º Aniversário - Colectiva
"Caos" - Centro de Artes de Odivelas
Private Gallery - Club House do Belas Clube de Campo – Colectiva
Private Gallery - Millennium Golf Course, Vilamoura - Colectiva
Private Gallery - Inauguração da galeria no Porto - Colectiva
Private Gallery - Millennium Golf Course, Vilamoura - Colectiva
Galeria de S. Mamede *
*Obra oferecida por Galeria Vieira Portuense

Sem comentários:

Publicar um comentário

UMA AJUDA COM ARTE

Num movimento desencadeado por Sara Garrotte (Chuca), um elevado número de artistas plásticos e outras instituições ofereceram obras de arte para serem leiloadas, revertendo o produto para uma instituição de solidariedade da Madeira indicada pela Segurança Social. Feito um leilão devidamente licenciado pela Câmara Municipal do Porto, foi acordado, com a dita instituição de solidariedade social, a realização de uma exposição das obras remanescentes, no Funchal, aprontando-se aquela a alcançar o patrocínio de uma transportadora para que as obras chegassem à Madeira sem mais despesas, salvaguardando-se, desse modo, todo o pecúlio grangeado através do leilão, o qual foi remetido à aludida instituição social. Passado o mês de Setembro, e os mais meses até ao fim do ano de 2010, do Funchal, não veio "resposta, nem recado". Tememos, por isso, pelo trato futuro dado às obras postas à disposição para "AJUDA À MADEIRA" e resolvemos devolvê-las aos respectivos autores ou ofertantes, à disposição de quem se encontrarão até ao respectivo levantamento na Galeria. Galeria Vieira Portuense AUTORES DAS OBRAS: Aidê Zorek, Alberto D'Assumpção, Ana Camilo, Ana Maria Garcia, André Semblano, Angelina Gomes, António Dulcídio, António-Lino Pedras, Aníbal Alcino, Arnaldo Macedo, Bela Mestre, Bem-aventurado Jorge, Carlos Dugos, Carmen Santaya, Carmen Sevillano Estremera, Cassio Mello, Constância Néry, Célia Ribeiro, César Barros Amorim (Mutes), Danielle Carcav, Delfina Mendonça, Dina de Sousa, Estrela Rua, Felipe Alarcón Echenique, Fernando Pamplona, Francisco Urbano, Gabrielux, Gelin FM, Griñon, Ignacio Hábrica, Irene Gomis, Joana Gonçalves, Jorge Murillo Torrico, José A. Cardoso, José Gonçalves, José Projecto, José Rosinhas, Júlia Fernandes, Kim Molinero, Lamadrid, Lena Gal, Luiz Soares, Luz Morais, Luís Rodrigues, Marco Batista, Maria da Glória, Maria Dulce Bernardes, Maria Rosas, Maria Tereza Braz, Marina Cocós, Marina Fátima, Marina Mourão, Mary Carmen Calviño, Miguel Angel Salido Serrano, Mizé, Molina, Mário Rebelo de Sousa, MR (Miquelina Ribeiro), Neiro, Nelson Marques, Paula Navarro, Pedro Charters d’ Azevedo, Pedro S. Morillo, Pepa Mariño, Pilar Feás, Porfírio Alves Pires, Renato Pereira, Ritta Bremer, Roig de Diego, Rosa Lapinha, Rosaura Serrano Sierra, Sabela Baña Roibás, Sara Garrote (Chuca), Soledad Fernández, Sónia Lapa, Tareixa Barrós, Teodoro Büest, Té Salvado e Yolanda Carbajales.

Arquivo do blogue

Etiquetas